Banca de DEFESA: RAQUEL SALES DE MEDEIROS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAQUEL SALES DE MEDEIROS
DATA : 17/06/2019
HORA: 15:30
LOCAL: Campus Caicó/UERN
TÍTULO:

Educação Permanente em Saúde para qualificação da Assistência ao Usuário de Substâncias Psicoativas


PALAVRAS-CHAVES:

Educação permanente em saúde. Usuários de substâncias psicoativas. Equipe multiprofissional.

 


PÁGINAS: 65
RESUMO:

A Reforma Psiquiátrica (RP) brasileira resultou numa série de transformações no que diz respeito às práticas, saberes, valores culturais e sociais que permearam o contexto de tratamento e cuidado das pessoas com transtornos mentais e/ou usuárias de substâncias psicoativas. A partir de 2003, através da Política de Atenção Integral a Usuários de Álcool e outras Drogas, o Brasil reafirmou o uso de drogas como fenômeno complexo de saúde pública, assumindo como marco teórico-político-ético a perspectiva da Redução de Danos (RD). Para formalizar a atenção aos usuários de substâncias psicoativas, através da Portaria GM 336/02 definiu normas e diretrizes para a organização de serviços que prestam assistência em saúde mental, os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), incluindo-se os CAPS voltados para atender pessoas que fazem uso abusivo/prejudicial de álcool e outras substâncias psicoativas, os CAPS ad. Enquanto profissional deste serviço, observou-se a necessidade de ações de educação permanente para a equipe, estratégia prevista na legislação, mas inexistente no cotidiano do CAPS ad, do município de Caicó-RN. Objetivou-se desenvolver ações de educação permanente em saúde, com a equipe multiprofissional do CAPS ad de Caicó-RN, para tanto, buscou-se identificar o conhecimento prévio da equipe sobre a assistência ao usuário de substâncias psicoativas, na perspectiva da Política Nacional de Saúde Mental e promover oficinas de trabalho relacionadas ao processo de trabalho em saúde e saúde mental. Aprovada pelo Comitê de Ética (CAAE nº 89520618.2.0000.5568), a pesquisa foi desenvolvida em duas fases, constando de um questionário e seis oficinas temáticas, entre novembro de 2018 e janeiro de 2019, no CAPS AD. O questionário é composto por dados de caracterização profissional (Parte A) e por assertivas (Parte B), condensadas em sete domínios, respondidos antes e após as oficinas, envolvendo as seguintes temáticas: Substâncias Psicoativas (SPA) e Dependência Química; Reforma Psiquiátrica (RP); Política Nacional de Saúde Mental para Usuários de SPA; Redução de Danos; Política Nacional de Humanização; Clínica Ampliada e PTS; Gestão do Cuidado e da Clínica. Participaram em média sete profissionais por oficina. A análise preliminar das assertivas (antes e pós oficinas) parece indicar mudanças de respostas, expressando uma possível relevância da atividade no contexto do serviço.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 032.942.844-62 - DULCIAN MEDEIROS DE AZEVEDO - UERN
Interno - 3050262 - MARCELO VIANA DA COSTA
Externa à Instituição - ROBERTA KALINY DE SOUZA COSTA
Notícia cadastrada em: 24/05/2019 14:16
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa05-producao.info.ufrn.br.sigaa05-producao