Banca de DEFESA: JULIANA CARLOS GUIMARAES DE ARAUJO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JULIANA CARLOS GUIMARAES DE ARAUJO
DATA : 16/12/2022
HORA: 14:00
LOCAL: Laboratório de Psicologia
TÍTULO:

MEDICALIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO: FORMAÇÃO COLABORATIVA COM PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL


PALAVRAS-CHAVES:

Palavras-chave: Medicalização da Educação. Psicologia Histórico-Cultural. Formação de Professores.

 


PÁGINAS: 146
RESUMO:

O fenômeno da medicalização na infância refere-se a um processo que transforma questões multifatoriais em distúrbios, transtornos, possíveis de serem medicalizados, inserindo no campo das patologias demandas que fazem parte do cotidiano dos sujeitos. Essa pesquisa objetivou analisar às mudanças de compreensão sobre o fenômeno da medicalização da educação com professores que atuam nos anos iniciais do ensino fundamental, da rede pública estadual de ensino do RN, a partir de uma formação continuada colaborativa com 26 participantes, entre professores, coordenadores pedagógicos e gestores, e tem como fundamento teórico alguns princípios da psicologia histórico-cultural. Com a realização desse processo formativo colaborativo estruturou-se uma proposta de formação continuada colaborativa sobre a temática da medicalização da educação na infância a ser compartilhada com a comunidade escolar. A investigação e o processo de formação deram-se na modalidade remota, tendo em vista as incertezas da pandemia mundial do COVID-19. A coleta de dados sobre as demandas formativas, acerca da temática da medicalização da educação, realizou-se por meio de um questionário aplicado com os professores. Identificadas as demandas, procedeu-se os desdobramentos do processo formativo colaborativo sobre a medicalização no contexto educacional. Os dados obtidos, considerando as falas dos participantes, foram organizados em três eixos temáticos para análises e discussões, sendo I – Ainda não tenho conhecimento sobre o tema, II – A sociedade põe no remédio a solução, III – Com um novo olhar para a temática. Os resultados apontaram para a mudança no discurso dos profissionais acerca do fenômeno em estudo e importância da formação colaborativa para o conhecimento da temática e enfrentamento do processo de medicalização da educação.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1723488 - MARIA DA APRESENTACAO BARRETO
Interna - ***.422.544-** - LISIE MARLENE DA SILVEIRA MELO MARTINS - UFPB
Externa à Instituição - VANIA APARECIDA CALADO - UnP
Notícia cadastrada em: 16/11/2022 10:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao