Banca de DEFESA: PATRÍCIA GUERRA PEIXE

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PATRÍCIA GUERRA PEIXE
DATA : 28/02/2020
HORA: 09:00
LOCAL: AUDITÓRIO DO DEPARTAMENTO DE ODONTOLOGIA
TÍTULO:
O Efeito da Idade na Imunoexpressão dos Marcadores CD1a, CD83, Triptase e CD34 nos Tecidos Periodontais Saudáveis e Doentes 

PALAVRAS-CHAVES:

Doença Periodontal. Triptase. CD1a. CD83. CD34. Idosos


PÁGINAS: 56
RESUMO:

A microbiota e o sistema imune do idoso apresentam algumas alterações, favorecendo ao aparecimento de infecções e doenças inflamatórias. A doença periodontal é um exemplo, permeando entre aspectos agudos a crônicos, podem ter alterações em sua evolução com o envelhecimento humano. Compreender a doença periodontal e sua relação com o ciclo da vida é importante para a prevenção, tratamento e cura. Este estudo tem como objetivo avaliar o efeito da idade na doença periodontal, através da avaliação da presença de células dendríticas imaturas (CD1a) e maduras (CD83), mastócitos (triptase) e vasos sanguíneos (CD34) em 154 tecidos periodontais saudáveis e doentes. Foi utilizada a técnica de imunoistoquímica através da imunomarcação do CD1a, CD83, triptase e CD34, sendo contabilizados em 5 campos de maior número de células positivas, no aumento de 100x. Para o CD34, ainda foram calculadas a área e o perímetro microvascular para todos os vasos sanguíneos presentes, e dos vasos com presença do endotélio vascular alto. Não houve diferença na imunoexpressão das células dendríticas, dos mastócitos e na quantidade de vasos sanguíneos nos tecidos gengivais, entre os casos de gengiva clinicamente saudável, gengivite induzida por biofilme e periodontite estágio II, III e IV, avaliando isoladamente os grupos etários: adultos e idosos. As células dendríticas imaturas são mais numerosas no idoso com o quadro clínico de gengivite e periodontite. Na gengivite induzida por biofilme, nos idosos há maior número de mastócitos no processo de degranulação. Os adultos com gengivite induzida por biofilme possuem maior quantidade de vasos sanguíneos que o grupo idoso. A área microvascular e o perímetro microvascular dos vasos sanguíneos com o endotélio vascular alto apresentaram maiores nos idosos nos casos de gengivite. Conclui-se que nos idosos com gengivite induzida por biofilme, há alteração no número de células dendríticas imaturas, além da alteração no calibre de vasos sanguíneos com endotélio vascular alto, necessitando de estudos que relacionem estes dados à função celular para compreensão do papel das células inflamatórias na doença periodontal.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - SABRINA GARCIA DE AQUINO - UFPB
Externa ao Programa - 2085732 - ANA RAFAELA LUZ DE AQUINO MARTINS
Presidente - 1660087 - BRUNO CESAR DE VASCONCELOS GURGEL
Externo à Instituição - FERNANDO JOSE DE OLIVEIRA NOBREGA - UERN
Interna - 350484 - ROSEANA DE ALMEIDA FREITAS
Notícia cadastrada em: 17/02/2020 08:28
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa05-producao.info.ufrn.br.sigaa05-producao