Banca de DEFESA: ELAINE CRISTINA DE MEDEIROS PEREIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ELAINE CRISTINA DE MEDEIROS PEREIRA
DATA : 21/01/2022
HORA: 08:30
LOCAL: VIDEOCONFERENCIA
TÍTULO:

Avaliação de Aprendizagem em Geografia Escolar – DIÁRIO DE CLASSE.


PALAVRAS-CHAVES:

Geografia Escolar. Ensino. Avaliação da Aprendizagem. Prática Pedagógica. Professor. GEOPROF.


PÁGINAS: 197
RESUMO:

A Geografia, tem realizado estudos que refletem as transformações sociais e as formas de organização do espaço. Os conceitos, métodos e teorias, próprios dessa ciência, constituem a base dos conhecimentos que integram o Ensino de Geografia e dos saberes discutidos nos conteúdos escolares, próprios da disciplina. De modo que os conhecimentos gerados pela ciência, recebem tratamento e são organizados dentro de uma estrutura de planejamento didático, conferindo organicidade às aulas, aos conteúdos e aos procedimentos de avaliação, construindo o campo de aplicação da Geografia Escolar. A avaliação da aprendizagem, um dos elementos dessa organicidade, está conectada à forma de ensinar, articulada ao planejamento didático, como uma das fases do processo de apresentação dos conteúdos e de construção do conhecimento. Mesmo sendo uma etapa significativa do processo de ensino, as abordagens e análises científicas sobre a avaliação ainda não são exaustivas, o que despertou interesse pelo estudo. Ao longo do processo de formação inicial e do exercício do magistério, surgiram algumas inquietações e questionamentos os quais deram origem a problemática abordada nesse estudo, por ocasião da entrada no Mestrado Profissional em Geografia, qual seja: Quais são as dúvidas, curiosidades e práticas de avaliação, desenvolvidas no Ensino de Geografia por professores no 4º e 5º ano do Ensino Fundamental? Com base nisso, definimos como objetivo geral para o estudo agora apresentado: Produzir um material textual com orientações sobre elaboração de procedimentos de avaliação da aprendizagem em Geografia Escolar para o 4º e 5º ano do Ensino Fundamental. O enfoque metodológico se fundamenta na abordagem qualitativa de natureza aplicada, com objetivo exploratório, organizado através das seguintes análises: a) estudo exploratório, apoiado na aplicação de enquete, que oportunizou conhecer as dúvidas e curiosidades dos professores de 4° e 5° anos do Ensino Fundamental em relação à avaliação da aprendizagem; b) análise documental, para o levantamento de informações  sobre os aspectos da avaliação da aprendizagem, a partir da exploração de documentos nacionais como a BNCC (2017), DCNs (2013) e as diretrizes municipais, dentre as quais, a Emenda às Diretrizes Operacionais para o funcionamento das escolas municipais de São Bento/2020, a Proposta avaliativa para o ensino remoto e o Plano estratégico para as aulas de 2021; c) revisão narrativa que possibilitou a seleção das obras que formam à base da reflexão teórica, que nos guiou nas discussões sobre o Ensino de Geografia, referenciado por Cavalcanti (2013), Gomes (2010), Vesentini (2004), Straforini (2004), Callai (2011), Thiesen (2011); Sacristán e Gómez (1998), Hadji (1994), Villas Boas (2008), Haydt (2008); d) e por fim, a revisão sistemática, fundamental para coletar informações a respeito da avaliação da aprendizagem. Dentre as constatações construídas com esse estudo, destacamos, a identificação de um conjunto de curiosidades e dificuldades didáticas e pedagógicas, de professores quanto ao emprego da avaliação da aprendizagem nesse componente curricular, o que levou a produção de um material textual instrucional, com resposta a estas dúvidas, acompanhado da descrição de estratégias de ensino exitosa e de um glossário, com a definição de termos e expressões comuns a prática docente, estando esta produção apoiada na firme constatação de que a avaliação da aprendizagem em Geografia, objetiva, colaborar para a construção do conhecimento geográfico do aluno e, para  o desenvolvimento das competências e habilidades, sempre em atenção as características do aprender e aos objetivos de ensino. Como resultado destas constatações, propomos um material textual que pudesse contribuir para a prática pedagógica do professor e, consequentemente, para a organização de um processo de avaliação favorável para o educando e sua aprendizagem intitulado: Avaliação de Aprendizagem em Geografia Escolar – Diário de Classe. Esse material é resultante de estudos desenvolvidos no contexto do Mestrado Profissional em Geografia – GEOPROF/UFRN, Programa que oportunizou a organização de estudos, e reflexões sobre a prática do ensino e da avaliação da aprendizagem no âmbito da Geografia Escolar.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 350852 - TANIA CRISTINA MEIRA GARCIA
Interna - 1975619 - MARIANNA FERNANDES MOREIRA
Externa à Instituição - DENISE WILDNER THEVES - UFRGS
Externo à Instituição - DJANNI MARTINHO DOS SANTOS SOBRINHO - UFRN
Notícia cadastrada em: 05/01/2022 14:35
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa23-producao.info.ufrn.br.sigaa23-producao