Banca de QUALIFICAÇÃO: BUENA BRUNA ARAUJO MACÊDO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BUENA BRUNA ARAUJO MACÊDO
DATA : 13/08/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Google Meet
TÍTULO:

DESENHANDO LUGARES NA GEOGRAFIA DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: Proposição de uma sequência didática em tempos pandêmicos


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino. Geografia. Lugar. Desenho.


PÁGINAS: 75
RESUMO:

O presente trabalho assume o objetivo de realizar um estudo teórico sobre o desenho das crianças, bem como, compreender de quais modos esta linguagem pode participar do processo de ensino e aprendizagem do conceito geográfico de lugar, nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Além desse objetivo geral, foram estabelecidos três objetivos específicos: realizar um estudo teórico sobre o conceito de lugar em sua reverberação no ensino de Geografia; compreender as potencialidades da linguagem do desenho para os anos iniciais do Ensino Fundamental e apresentar uma proposta de sequência didática que realiza o diálogo entre o conceito de lugar e a linguagem do desenho a fim de nortear professores em suas futuras atuações em sala de aula. Diante do exposto, a metodologia utilizada na pesquisa está ancorada na abordagem qualitativa em educação e na pesquisa exploratória, referenciada por Minayo (2009). Dentre as fontes utilizadas estão a análise bibliográfica e documental, baseada em Gil (2002), a aplicação de um questionário online aos professores que atuam nos anos iniciais do Ensino Fundamental fundamentado em Flick (2009), e, por fim, a proposição de uma sequência didática fundamentando-se em Zabala (1998) e Callai (2011). O referencial teórico no âmbito do pensamento geográfico, evidencia o lugar a partir de Dardel (2011) e Tuan (1983); a respeito do desenho infantil são explanados os estudos de Luquet (1969), Mèredieu (2006), Piaget (1975), Piaget e Inhelder (1994) e Vygotsky (2009, 1991) e no que se refere ao desenho como linguagem para o ensino da Geografia são tomados para análise os estudos de Pontuschka; Paganelli; Cacete (2007), Almeida (2011), Passini (1994), Almeida e Passini (1994), Miranda (2005), Oliveira Jr (1994), Oliveira Jr e Girardi (2011), Theves (2019 e 2017) e Santos (2019), que auxiliam no movimento de validação das potencialidades do desenho como linguagem e estratégia para o ensino da Geografia. Os desdobramentos das análises empreendidas e o contexto da pandemia causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), nos direcionaram para a elaboração de uma proposta de sequência didática, pensada para ser desenvolvida pelos professores do 1° e 2° ano do Ensino Fundamental, e que se propõe estudar os lugares de vivências dos alunos mediada pela linguagem do desenho.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1810361 - PABLO SEBASTIAN MOREIRA FERNANDEZ
Externa à Instituição - DENISE WILDNER THEVES - UFRGS
Externa à Instituição - MARIA REILTA DANTAS CIRINO - UERN
Notícia cadastrada em: 26/07/2021 10:55
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao