Banca de DEFESA: MARÍLIA FABIANA PIMENTEL DE OLIVEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARÍLIA FABIANA PIMENTEL DE OLIVEIRA
DATA: 21/12/2015
HORA: 09:30
LOCAL: Sala de Pós-graduação do DMOR
TÍTULO:

Ação da Suplementação Com Ácido Ascórbico Na Morfologia do
Miocárdio de Camundongos mdx.


PALAVRAS-CHAVES:

Distrofia Muscular de Duchenne, Coração, Fibrose, Estresse Oxidativo, Ácido Ascórbico.


PÁGINAS: 76
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Morfologia
SUBÁREA: Histologia
RESUMO:

A Distrofia Muscular de Duchenne (DMD) é uma doença de origem genética recessiva ligada ao cromossomo X caracterizada pela ausência da distrofina, que induz a fibrose e necrose muscular devido ao estresse oxidativo. No coração, estas lesões podem levar à insuficiência cardíaca e a morte. Este trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos do estresse oxidativo identificado pela expressão da cyclooxygenase-2 (COX-2) na morfologia do tecido cardíaco de camundongos mdx, bem como os efeitos do ácido ascórbico (AA) sobre estes parâmetros. Foram utilizados 60 camundongos machos, sendo 30 C57BL/10 e 30 C57BL/10Mdx separados em seis grupos de acordo com a idade e tratamento (n=10/grupo): controle com 30 dias de idade (C30); distrófico com 30 dias de idade (D30); controle com 60 dias de idade (C60); distrófico com 60 dias de idade (D60); controle com 60 dias de idade suplementados com AA (CS60); e distrófico com 60 dias de idade suplementados com AA (DS60). As amostras de tecido cardíacos foram corados pelas técnicas de Tricrômico de Masson, Picrosirius red sob luz polarizada e Imunohistoquímica da COX-2. Os resultados demonstraram aumento de fibras colágenas em D30 e diminuição na área ocupada por cardiomiócitos em D60. A expressão da enzima COX-2 foi maior nos grupos C30, D30 e D60 indicando, provavelmente, em C30 um processo de desenvolvimento celular e, em animais distróficos, aumento do estresse oxidativo que levaram à fibrose. A suplementação com AA preveniu a perda muscular em DS60 em relação ao D60, bem como diminuição da fibrose e da expressão de COX-2 em DS60, comprovando a ação protetora do AA no coração de camundongos mdx.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1330828 - CARLOS EDUARDO BEZERRA DE MOURA
Presidente - 1544854 - NAIANNE KELLY CLEBIS
Interno - 2477216 - NAISANDRA BEZERRA DA SILVA
Notícia cadastrada em: 24/11/2015 15:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao