Banca de QUALIFICAÇÃO: PÉRICLES LASFIR SOARES FILHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PÉRICLES LASFIR SOARES FILHO
DATA: 14/08/2015
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Departamento de Morfologia
TÍTULO:

Distribuição dos núcleos colinérgicos no encéfalo do Mocó (Kerodon rupestris)


PALAVRAS-CHAVES:

Acetilcolina; Colina acetiltransferase; Sistema colinérgico; Mocó.


PÁGINAS: 27
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Morfologia
RESUMO:

O mocó (Kerodon rupestris) é um roedor cavídeo, de hábitos crepusculares nativo da região Nordeste, sendo encontrado desde o Piauí até o Norte de Minas Gerais. Apesar de vários estudos terem sido realizados no Laboratório de Neuroanatomia com o mocó como modelo experimental, permanecem muitas lacunas a serem preenchidas, por isso empreendemos este estudo com o objetivo de delimitar citoarquitetonica e imunohistoquimicamente por colina acetiltransferase (ChAT) os grupamentos colinérgicos no encéfalo do mocó. Para isso serão utilizados 12 animais. Esse projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética para Uso de Animais (CEUA-UFRN, protocolo no 004/2014) e o IBAMA (licença SISBIO no. 42960-1 de 10/03/2014). Os procedimentos ocorrerão no Laboratório de Neuroanatomia da UFRN. Os animais, depois de anestesiados serão perfundidos por via transcardíaca. A microtomia horizontal por deslizamento será feita no plano coronal (n=8) e sagital (n=4), obtendo-se secções de 30 µm, as quais serão coletadas seriadamente em 6 compartimentos contendo tampão fosfato 0,1 M, pH 7,4. As secções de um compartimento serão montadas em lâminas em sequência rostrocaudal e submetidas à coloração de Nissl, usando o corante Thionina ou, alternativamente serão submetidas à coloração pelo método Klüver-Barrera. Os demais compartimentos serão submetidos a imunohistoquímica seguindo o protocolo avidina-biotina-peroxidase (ABC) para revelação de acetilcolina (Ach) supostamente presente em diversos centros neurais do mocó, usando como marcador a enzima de síntese, ChAT. As lâminas serão analisadas ao microscópio óptico em campo claro e os resultados documentados através de descrição, fotomicrografias digitais e desenhos manuais. Além disso, os neurônios imunorreativos a ChAT serão contados dentro dos limites de cada núcleo onde forem encontrados. Os dados serão apresentados como média±erro padrão de cada núcleo entre os encéfalos seccionados no plano coronal (n=8) e apresentados em gráficos de barras. Resultados preliminares indicam a presença de neurônios imunorreativos a ChAT no telencéfalo (núcleos caudado-putamen, accumbens, tubérculo olfatório e ilhas de Calleja, porções horizontal e vertical do núcleo da banda diagonal, globo pálido e globo pálido ventral, núcleo basal e núcleo septal medial), diencéfalo (núcleo hipotalâmico ventro-medial e núcleo habenular medial) e tronco encefálico (núcleos parabigeminal, tegmental látero-dorsal e pedúnculo-pontino). Os dados obtidos deverão servir como referência para estudos anatômicos comparados, funcionais e aplicados à Medicina Veterinária de animais silvestres.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 4363493 - EXPEDITO SILVA DO NASCIMENTO JUNIOR
Externo ao Programa - 1076490 - FERNANDO VAGNER LOBO LADD
Presidente - 7346484 - MIRIAM STELA MARIS DE OLIVEIRA COSTA
Notícia cadastrada em: 03/08/2015 16:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao