Banca de DEFESA: JACQUELINE ANDRADE DOS SANTOS LIMA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JACQUELINE ANDRADE DOS SANTOS LIMA
DATA : 30/08/2021
HORA: 10:00
LOCAL: Videoconferência (Google meet): meet.google.com/jqq-npud-zsp
TÍTULO:

PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA NO 6°ANO: AS FÁBULAS NA
SALA DE AULA


PALAVRAS-CHAVES:

Letramento literário; Gênero fábula; Leitura subjetiva.


PÁGINAS: 98
RESUMO:

A prática da leitura literária em sala de aula, a qual leve em consideração as experiências subjetivas dos leitores, apresenta-se como elemento basilar para a aquisição de significados dessas leituras, bem como suas possíveis ressignificações e reescritas por parte dos alunos. Todavia, práticas nas quais o texto literário é apresentado apenas para servir de mote para a exposição dos conteúdos, negligenciando a subjetividade do sujeito leitor, ainda ocorrem. Dessa forma, metodologias diferenciadas fazem-se necessárias na tentativa da promoção do letramento literário dentro do espaço escolar. Como possibilidade de contribuição para a formação de um aluno leitor e também com proficiência de escrita, elaboramos uma proposta de sequência básica a partir de Cosson (2018), utilizando o gênero literário fábula. Temos como objetivo o exercício de práticas de leitura e reescrita dos textos em turmas de 6° ano do Ensino Fundamental – Anos Finais. A proposição desse trabalho corrobora com a inserção da subjetividade do aluno nas leituras dos textos e principalmente em sua escrita, associando-a a sua leitura de mundo. Na sequência básica que será o produto final desta pesquisa, o aluno fará a leitura das obras e, a partir delas, será autor de sua própria fábula, tornando-o protagonista no processo de letramento literário. Para fundamentação teórica utilizamos as obras de Cosson (2018, 2019), Oliveira (2011), Candido (1995), Rouxel (2013, 2014), Santos (2003), além de fundamentar o trabalho didático nas competências e habilidades da BNCC. Consideramos, finalmente, que o letramento literário como prática pedagógica pode contribuir com a formação crítica do aluno, estimulando a sua autonomia de escritores capazes de contextualizarem nas obras lidas as suas vivências.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1055142 - FRANCISCO FABIO VIEIRA MARCOLINO
Externo ao Programa - 277353 - HENRIQUE EDUARDO DE SOUSA
Externa à Instituição - MOAMA LORENA DE LACERDA MARQUES - UFPB
Notícia cadastrada em: 17/08/2021 10:29
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa23-producao.info.ufrn.br.sigaa23-producao