Banca de QUALIFICAÇÃO: MICHELLE ARAUJO MACHADO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MICHELLE ARAUJO MACHADO
DATA : 05/08/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Online - link: https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/elaine-10
TÍTULO:

PRECEPTORIA EM UM MINUTO: Capacitação dos preceptores da MEJC para a melhoria do ensino-aprendizagem dos residentes.


PALAVRAS-CHAVES:

Preceptoria em um minuto; Preceptor; Capacitação; Método ativo aprendizagem.


PÁGINAS: 47
RESUMO:

Introdução: O preceptor possui papel extremamente importante na formação dos residentes, porque realiza o ensino no treinamento em serviço. Porém, em geral não há experiências de capacitação pedagógica. A preceptoria em saúde é uma prática pedagógica que ocorre no ambiente de trabalho conduzida por profissionais da assistência, com cargo de professor ou não, onde a grande maioria desses atua de forma intuitiva, reproduzindo sua própria formação, confundindo transmissão de informação com ensino.  A formação de preceptores com competência para transmitir conhecimentos de forma eficaz e em curto espaço de tempo tem sido um desafio, especialmente em setores de Urgência e Emergência. O método Preceptoriaem um minuto (OMP) é indicado nesse cenário por demandar pouco tempo para ser executado e promover a apropriação do caso pelo aluno estimulando-o a raciocinar além do fornecimento do feedback. Objetivo: Capacitar preceptores que atuam na urgência da Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC) com o método preceptoria em um minuto e com isso contribuir para uma melhora na formação do residente, tornando-o um sujeito ativo no seu processo de aprendizagem. Metodologia: Tratou-se de estudo com delineamento transversal intervencional, de abordagem quantitativa, realizado com preceptores e médicos residentes em Ginecologia e Obstetrícia da MEJC. Três etapas foram realizadas: questionário pré-intervenção com residentes, planejamento e execução de um curso de capacitação pedagógica para os preceptores envolvendo uma aula expositiva dialogada sobre OMP e finalizando com simulações realísticas. Após um mês os residentes responderam outro questionário sobre os impactos do método.  Resultados: Na avaliação de ensino dos residentes pré-intervenção, os resultados mostraram que 91,7% concordam que existem divergências quanto a metodologia de ensino entre preceptores. Após a capacitação todos os preceptores concordaram que o método envolve o aluno no processo de tomada de decisão e que aplicariam o método na sua rotina de plantão. Os resultados pós intervenção mostraram que 95,8% concordam que OMP é mais atrativo que os métodos de ensino tradicionais. Houve, para 70,9% dos residentes, uma percepção demelhoradaaprendizagem e, além disso, observou-se uma mudança significativa do recebimento de feedback antes e após a implantação do método de 20,8% para 66,7%. Conclusão: O método OMP mostrou-se eficiente no fornecimento de feedback adequado aos residentes no setor de urgência da MEJC.


MEMBROS DA BANCA:
Interna - 1149381 - ANA CRISTINA PINHEIRO FERNANDES DE ARAUJO
Presidente - 2171406 - ELAINE LIRA MEDEIROS
Interna - 2172036 - MARIA JOSE PEREIRA VILAR
Notícia cadastrada em: 23/07/2020 20:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao