Banca de QUALIFICAÇÃO: SHEILA DUARTE DE MENDONÇA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : SHEILA DUARTE DE MENDONÇA
DATA : 05/06/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Online - link: https://meet.google.com/vmf-sgzj-wya
TÍTULO:

METODOLOGIAS ATIVAS DE ENSINO NA RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE: uma proposta de curso semipresencial


PALAVRAS-CHAVES:

Tecnologia Educacional; Materiais de Ensino; Internato não Médico; Preceptoria.


PÁGINAS: 67
RESUMO:

Introdução: as Residências são caracterizadas pelo ensino em serviço, com supervisão dos preceptores nos cenários de prática. O preceptor é essencial na formação e perfil profissional do residente. A maior parte dos preceptores não possui formação para a docência e alguns deles apresentam dificuldades no processo de ensino-aprendizagem e na formação crítica dos residentes, não garantindo a qualidade do ensino. A utilização das metodologias ativas contribui para o processo de ensino-aprendizagem, promove a autonomia e motiva o discente, incentiva a aprendizagem significativa, amplia as habilidades e estreita as relações entre discentes e docentes. Objetivo: propor um curso semipresencial sobre Metodologias Ativas de Ensino em Saúde voltado para as atividades dos preceptores e residentes da Residência Multiprofissional em Intensivismo Neonatal. Método: pesquisa metodológica, com coleta prospectiva de dados mistos, realizada em três etapas (diagnóstico situacional, Scoping Review e construção da proposta do curso), entre abril de 2019 e março de 2020. Participaram 22 preceptores da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal da Maternidade Escola Januário Cicco da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, com nº do parecer 3.180.283/2019. Resultados: nenhum preceptor possui doutorado, 63,6% nunca fizeram curso ou formação na área de ensino, 36,4% não realizam a orientação da prática e teoria de forma interligada. Todos iniciaram a preceptoria de forma repentina e apenas um recebeu treinamento, 31,8% não conhecem as metodologias ativas e apenas 27,2% utilizam pelo menos um tipo, sem dificuldades. Foram citadas como fragilidades neste cenário: a demanda de atividades e a atuação na assistência; a falta de tempo, formação e curso específico para preceptor; conciliar preceptoria e serviço; e avaliar o residente. Já como potencialidades: contribuição na formação dos residentes; atuação nas discussões com o residente; a experiência do preceptor; compartilhar conhecimento; atualização profissional; gostar de atuar na área; e ensinar na prática. Na Scoping Review, foi observada uma produção ascendente na área da educação na saúde, que pode ser explicada pela preocupação recente dos preceptores com o uso de metodologias ativas. Quanto ao uso dessas metodologias, foram citados 13 tipos, com destaque para Tenda Invertida, Projeto Terapêutico Singular, Roda de Núcleo, Roda de Campo e Educação Interprofissional. As potencialidades destacadas foram: estímulo à troca de experiências; favorecimento do cuidado interprofissional; aprendizagem significativa a partir da reflexão-ação; e melhoria no próprio processo de cuidar em saúde. Enquanto desafios, foram elencados: escasso tempo destinado ao processo pedagógico pelo preceptor devido à demanda de atividades enquanto profissionais de saúde em atuação; dificuldade de superar a lógica tradicional de ensino e do serviço; e despreparo pedagógico do preceptor. Decorrente das etapas anteriores, foi elaborada uma proposta de curso Blended learning direcionado para preceptores da Residência, com 60 horas, abordando as temáticas: Metodologias ativas de ensino em saúde; Tipos de metodologias ativas de ensino em saúde; Feedback para o residente. Conclusão: foi elaborada uma proposta de curso semipresencial sobre as metodologias ativas de ensino direcionado aos preceptores da Residência Multiprofissional em Intensivismo Neonatal.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1020269 - PETALA TUANI CANDIDO DE OLIVEIRA SALVADOR
Interna - 1149381 - ANA CRISTINA PINHEIRO FERNANDES DE ARAUJO
Externa ao Programa - 4149590 - MARIA DE LOURDES COSTA DA SILVA
Externa à Instituição - DIANA PAULA DE SOUZA REGO PINTO CARVALHO - UERN
Notícia cadastrada em: 27/05/2020 19:21
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa25-producao.info.ufrn.br.sigaa25-producao