Banca de DEFESA: CICERO TIBERIO LANDIM DE ALMEIDA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CICERO TIBERIO LANDIM DE ALMEIDA
DATA : 24/09/2019
HORA: 13:00
LOCAL: SALA DE REUNIÕES - ESPAÇO JOÃO MACHADO
TÍTULO:

DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIA PARA O USO DA ULTRASSONOGRAFIA COMO GUIA PARA REALIZAÇÃO DE ACESSO VENOSO CENTRAL NA RESIDÊNCIA MÉDICA.


PALAVRAS-CHAVES:

Residência Médica; Educação Médica; Educação baseada em competência, Ensino, Acesso Venoso, Veia Jugular Interna, Ultrassom.


PÁGINAS: 102
RESUMO:

Introdução: O acesso venoso central é um procedimento invasivo realizado comumente em pacientes graves internados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Vários estudos demonstram que a utilização do ultrassom (US) como guia no acesso venoso central aumenta a taxa de sucesso, reduz o número de complicações e melhora a segurança do paciente. Nas últimas décadas, observa-se um número crescente de estudos apontados para a necessidade da formação por competências no âmbito da residência médica. Objetivo: Elaborar um modelo de treinamento com métodos ativos de ensino-aprendizagem para o desenvolvimento de competência para utilização do aparelho de ultrassom como guia para as punções de veia jugular interna. Método: Estudo tipo pesquisa-ação, de caráter exploratório, prospectivo, envolvendo 43 participantes, sendo 31 residentes médicos, 9 preceptores intensivistas do Hospital Universitário Onofre Lopes e 3 preceptores da disciplina de cardiologia. Foram realizados 4 cursos teórico-práticos utilizando um modelo de peito de frango resfriado para punção central guiada por ultrassom. Todos realizaram teste pré e pós-treinamento e foram avaliados pelo Direct Observation of Procedural Skills (DOPS) nos domínios: domínio 1: Conhecimento prévio; domínio 4: habilidade técnica e domínio 10: Conjunto (habilidade geral). Resultados: O modelo de avaliação aplicado aos participantes gerou respostas afirmativas, conforme mostram os resultados descritivos por meio da medida do coeficiente de alfa de Cronbach, que avalia a consistência e confiabilidade das respostas. Desse modo, o curso foi considerado positivo por 100% dos integrantes, com predomínio de desempenho satisfatório de todos os 43 participantes e o nível de satisfação do treinamento foi considerado ótimo ou excelente. Além de bem aceito, o modelo permitiu a avaliação de desempenho e autoavaliação estruturada, fato relevante para a formação de competência no acesso venoso central guiado por ultrassom. Conclusão: O modelo de treinamento utilizando o peito de frango é exequível, bem aceito e permitiu desenvolver a competência na utilização do aparelho de ultrassom como guia para as punções. A utilização do DOPS mostrou-se confiável e relevante como ferramenta de avaliação que confira autenticidade profissional.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2495713 - ROSIANE VIANA ZUZA DINIZ
Interno - 2171948 - PAULO JOSE DE MEDEIROS
Externo à Instituição - CLÉBER DE MESQUITA ANDRADE - UERN
Notícia cadastrada em: 13/09/2019 16:31
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao