Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCELO HENRIQUE TAVARES MARINHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARCELO HENRIQUE TAVARES MARINHO
DATA : 19/11/2018
HORA: 11:00
LOCAL: A combinar
TÍTULO:

Ensino de ventilação mecânica com foco na segurança do paciente para a equipe multiprofissional da UTI Adulto do HUOL.


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino em saúde; educação permanente; ventilação mecânica; segurança do paciente.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Em virtude da crescente utilização da ventilação mecânica pelo mundo, da sua relevância enquanto suporte à vida, e dos seus potenciais risco à saúde dos pacientes quando utilizada de forma inadequada, o presente estudo se propõe a desenvolver um modelo de ensino para melhorar o aprendizado sobre ventilação mecânica, com foco na segurança do paciente para os profissionais da equipe multiprofissional do HUOL; elaborar um instrumento checklist para monitorização respiratória dos pacientes em ventilação mecânica visando a redução de erros; realizar validação de conteúdo do checklist por especialistas e avaliar o conhecimento dos alunos sobre o manejo dos alarmes, teste funcional, monitorização do ventilador mecânico e principais problemas relacionados com o mesmo, antes e após treinamento específico, como produto final desse trabalho, afim de melhorar as práticas assistenciais. Para realização desse trabalho utilizamos uma metodologia de pesquisa-ação, nesse método os problemas identificados durante a pesquisa devem ser resolvidos no decorrer desta, de forma a auxiliar o agente na sua atividade transformadora (emancipadora); é uma pesquisa que investiga a própria prática com a finalidade de melhorá-lá.  Foi criado um checklist para cuidados respiratórios do paciente em ventilação mecânica, bem como, realizado de sua validação por profissionais da equipe multiprofissional, além da realização de um treinamento teórico prático em abril 2018 no Hospital Universitário Onofre Lopes, sobre segurança do paciente em ventilação mecânica, com carga horária de 16 horas, utilizando metodologias ativas de ensino. Um questionário antes e após o treinamento foi aplicado para avaliação do conhecimento relativo ao manejo dos alarmes, monitorização respiratória e do ventilador, teste funcional e principais problemas do ventilador mecânico. Das categorias profissionais 47,2% eram técnicos de enfermagem e 28,3% eram enfermeiros (Tabela 1). A média de idade foi de 36,9 anos, com uma média de 13,5 anos de tempo de formado e 5,8 anos de experiência em UTI. Dos 27 profissionais de nível superior, 81,5% reportaram experiência em Terapia Intensiva e/ou Urgência e Emergência. Apenas 18,9% dos profissionais relataram treinamento anterior em ventilação mecânica com foco na segurança do paciente. No questionário de avaliação aplicado antes e após o treinamento, 22,6% reconheciam ter conhecimento para manusear o ventilador mecânico com segurança antes do treinamento, percentual que ascendeu para 58,5% (p<0,05). Com relação a frequência de checagem dos alarmes no ventilador, foi possível constatar que após o treinamento houve um acréscimo de 1,9% para 18,9% (p<0,05) de profissionais que afirmaram saber sobre esse quesito. Na questão relacionada com o saber quais seriam as monitorizações possíveis, não houve diferença com o treinamento. No quesito ajuste dos alarmes foi possível evidenciar que subiu de 41,5% para 64,15% (p<0,05) o percentual de profissionais que relataram saber ajustar os alarmes do ventilador mecânico após o curso. Nos cuidados com a traqueostomia e tubo oro-traqueal, houve um aumento do conhecimento de 69,8% para 83,01% (p<0,05), assim como, de 39,6% para 77,4% (p<0,05) com relação a saber o que fazer no caso de falha do ventilador mecânico. O treinamento realizado se mostrou eficaz na maioria das variáveis analisadas, bem como, ajudou na compreensão sobre a necessidade de implementar uma política de educação permanente. Foi possível também conseguir à aprovação da gestão da UTI para que pudéssemos implementar o nosso checklist, afim de confirmar sua utilidade e relevância comprovadas durante sua validação.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1754525 - IVAN DANIEL BEZERRA NOGUEIRA
Interno - 3050262 - MARCELO VIANA DA COSTA
Presidente - 1645299 - MARISE REIS DE FREITAS
Notícia cadastrada em: 19/10/2018 22:36
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao