Banca de DEFESA: ADEMAR ALEXANDRE DE MORAIS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ADEMAR ALEXANDRE DE MORAIS
DATA: 15/12/2015
HORA: 14:00
LOCAL: SALA RUTE DE VIDEOCONFERÊNCIA HUOL/EBSERH
TÍTULO:

ESTRATÉGIA DE CAPACITAÇÃO PEDAGÓGICA DO RESIDENTE: UMA PERSPECTIVA PARA A MELHORIA DO ENSINO NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDO DO NORTE.


PALAVRAS-CHAVES:

Urgência, Emergência, OSPE, Internato e Residência, Graduação


PÁGINAS: 73
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Medicina
SUBÁREA: Clínica Médica
ESPECIALIDADE: Cardiologia
RESUMO:

Diversos estudos têm demonstrado que o residente exerce informalmente o papel de docente. Estima-se que até 25 % do tempo dos residentes é dedicado ao ensino, contribuindo principalmente como facilitador. Apesar dessa contribuição, a quase totalidade dos programas de residência médica do Brasil não oferecem capacitação docente, justamente o inverso que ocorre em programas de demais países, sobretudo América do Norte e Europa. Este trabalho tem como objetivo elaborar uma estratégia de capacitação pedagógica do residente que possa ser inserida formalmente na estrutura curricular do programa de residência médica do HUOL. Trata-se de estudo exploratório, prospectivo e descritivo, realizado HUOL da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Três etapas foram idealizadas: (1) elaboração e planejamento de um workshop de capacitação pedagógica para o residente, associado a um conteúdo técnico motivador (suporte básico e a avançado à vida); (2) primeira intervenção com estudantes do curso de medicina e residentes, para testagem do modelo pedagógico escolhido, proporcionando ajustes no planejamento para a intervenção com residentes; e (3) segunda intervenção com replicação do curso para residentes. Nas intervenções foram feitas duas estações de prática de suporte à vida com a avaliação do desempenho em atividade prática através do OSPE (Objective and Structured Practical Examination). A capacitação pedagógica foi pautada na técnica de ensino preceptoria minuto e feedback. A avaliação de desempenho nas estações foi feita através de um checklist e das demais atividades da capacitação, através de uma ficha de avaliação preenchida no final do curso. As estações de suporte à vida foram bem avaliadas pelos participantes nas duas intervenções e permitiu o ensino da técnica de feedback positivo e corretivo. A técnica de preceptoria minuto foi feita através de dramatização, aula expositiva dialogada e vídeos. As duas técnicas de ensino foram avaliadas como importante para o aprendizado e ensino. Aspectos positivos citados pelos participantes foram mais relacionados a intervenção pedagógica, do que ao conteúdo técnico. Assim acreditamos que a estratégia de workshop de capacitação pedagógica elaborada para os residentes foi factível e bem aceita pelos participantes. Assim, tais conteúdos pedagógicos representam uma opção para inserção pioneira no currículo formal dos programas de residência médica do HUOL.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1369275 - CLECIO DE OLIVEIRA GODEIRO JUNIOR
Interno - 2171948 - PAULO JOSE DE MEDEIROS
Externo à Instituição - PAULO MARCONDES CARVALHO JUNIOR - NENHUMA
Presidente - 2495713 - ROSIANE VIANA ZUZA DINIZ
Notícia cadastrada em: 13/12/2015 06:44
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa20-producao.info.ufrn.br.sigaa20-producao