Banca de DEFESA: JOSÉ LUIZ DE SOUZA NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSÉ LUIZ DE SOUZA NETO
DATA: 30/04/2015
HORA: 10:30
LOCAL: DEPARTAMENTO DE TOCOGINECOLOGIA
TÍTULO:

DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DO EMPREGO DE DISPOSITIVO AJUSTÁVEL AO CORPO PARA TREINAMENTO DE HABILIDADE DE ACESSO VENOSO PERIFÉRICO NO MEMBRO SUPERIOR


PALAVRAS-CHAVES:

Competência clínica; Simulação; Cateterismo periférico; Educação médica


PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Medicina
SUBÁREA: Cirurgia
RESUMO:

OBJETIVO: Desenvolver e avaliar o emprego de um dispositivo ajustável ao corpo para treinamento de habilidade de acesso venoso periférico no membro superior, para estudantes de graduação. MÉTODOS: O trabalho compreendeu duas fases: I) desenvolvimento do simulador inovador e II) ensaio controlado comparando o desempenho do dispositivo ajustável ao corpo em relação ao simulador comercial no treinamento da habilidade de punção venosa no membro superior. Alunos da graduação do curso de medicina da UFRN (n=56) participaram da fase de intervenção, que foi constituída de pré-teste, aula teórica sobre acessos venosos periféricos, randomização em grupos conforme o simulador utilizado para treinamento (Grupo Simulador Comercial e Grupo Simulador Inovador), punção real interpares, pós-teste e questionários de satisfação. RESULTADOS: Os Grupos Simulador Comercial e Simulador Inovador não tiveram diferença estatisticamente significativa quanto à idade, sexo, cor, resultados do Pré-teste e Pós-teste, avaliação atitudinal e desempenho na execução da punção real. Os alunos do Grupo Simulador Experimental tiveram melhor desempenho no preenchimento do prontuário simulado. Ao término da pesquisa, o ganho cognitivo (conhecimento) teve significativo incremento em ambos os grupos. O grau de realismo, na percepção dos alunos, foi equivalente em ambos os grupos. O grau de valor para o ensino do simulador inovador foi conceituado como bom a ótimo em 85,7% dos alunos que o utilizaram.  CONCLUSÕES: Diante dos resultados obtidos, o simulador inovador demonstrou-se como uma alternativa de baixo custo para o ensino da habilidade de punção venosa em membro superior, onde o desempenho cognitivo, procedimental e atitudinal dos alunos que o utilizaram foi equivalente ao dos que treinaram em simulador comercial. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1348383 - GEORGE DANTAS DE AZEVEDO
Externo ao Programa - 1149381 - ANA CRISTINA PINHEIRO FERNANDES DE ARAUJO
Externo ao Programa - 3242546 - REGINALDO ANTONIO DE OLIVEIRA FREITAS JUNIOR
Externo à Instituição - JOSE EDVAN DE SOUZA JUNIOR - UERN
Notícia cadastrada em: 25/04/2015 06:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa18-producao.info.ufrn.br.sigaa18-producao