Banca de QUALIFICAÇÃO: ANA MARIA GOMES DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANA MARIA GOMES DOS SANTOS
DATA: 06/04/2015
HORA: 10:00
LOCAL: HUOL (Hospital Universitário Onofre Lopes), na sala 5 do 4° subsolo.
TÍTULO:

PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO A PARTIR DO DIÁLOGO ENSINO-SERVIÇO NA ÓTICA DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE

 

 


PALAVRAS-CHAVES:

Educação em saúde; Comunidade; Estudantes; Saúde da família.

 


PÁGINAS: 43
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Enfermagem
SUBÁREA: Enfermagem de Saúde Pública
RESUMO:

INTRODUÇÃO: As políticas de formação em saúde no Brasil vêm passando por profundas transformações, resultado da reforma sanitária e do rompimento com o modelo biomédico. No entanto, o paradigma da integralidade vem sendo introduzido na saúde e, para a consolidação desse conceito, a formação em saúde vem se apropriando de novas abordagens metodológicas. Pode-se mencionar a interação ensino-serviço (ensino- sistema de saúde- cidadania em saúde), cuja proposta permite a ampliação da percepção acerca do processo saúde-doença, além da garantia dos compromissos da formação para com o SUS. OBJETIVO: Compreender, a partir dos profissionais de saúde, a participação dos estudantes da Faculdade de Ciências da Saúde/UFRN na estratégia saúde da família, de modo a contribuir para a formação profissional desses estudantes. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Estudo fundamentado na abordagem qualitativa, a técnica utilizada para obtenção dos dados da pesquisa foi o grupo focal (GF). Foram realizados 2 GFs em duas unidades básica de saúde da família do município de Santa Cruz – RN, onde participaram profissionais da equipe da estratégia de saúde da família. As discussões foram conduzidas a partir de um roteiro previamente elaborado. A análise dos resultados foi realizada a partir da técnica de conteúdo temática categorial. RESULTADOS Participaram do estudo, 18 profissionais de saúde, sendo 13 (72%) do sexo feminino. Para esses profissionais, a interação ensino-serviço permite ao estudante compreender o modelo de atenção integral em saúde, visto que o contato com a comunidade amplia a sua percepção acerca do processo saúde-doença, como também permite reconhecer a importância do trabalho em equipe para atenção integral em saúde. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Os resultados indicam a importância da política de reorientação no contexto da formação para que os alunos tenham precocemente contato com o serviço e, dessa forma desenvolva habilidades técnicas e relacionais no contexto ao qual for inserido.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2644228 - SIMONE DA NOBREGA TOMAZ MOREIRA
Interno - 2172036 - MARIA JOSE PEREIRA VILAR
Externo ao Programa - 3474916 - JOSE JAILSON DE ALMEIDA JUNIOR
Notícia cadastrada em: 19/04/2015 19:10
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao