PPGMUS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÚSICA ESCOLA DE MÚSICA Telefone/Ramal: (84) 99474-6734 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgmus

Banca de DEFESA: BRUNO CAMINHA FARIAS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BRUNO CAMINHA FARIAS
DATA : 12/11/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 18
TÍTULO:

Ensino coletivo de instrumentos de metal: aspectos metodológicos e técnico-interpretativos a partir das Orquestras de Metais Lyra Tatuí e Lyra Bragança.


PALAVRAS-CHAVES:

Performance musical. Educação musical. Ensino coletivo. Instrumentos de metal.


PÁGINAS: 132
RESUMO:

A pesquisa aqui apresentada está inserida no limiar entre a performance e a educação musical, considerando-se aspectos importantes do fazer musical propriamente dito e das possibilidades de ensino coletivo das situações pesquisadas. Nesse sentido, esta pesquisa tem como objetivo compreender os principais aspectos metodológicos e técnico-interpretativos que caracterizam a formação de instrumentistas a partir do ensino coletivo nas Orquestras de Metais Lyra Tatuí e Lyra Bragança. Este trabalho se desenvolveu metodologicamente com base na pesquisa bibliográfica, documental e em entrevistas semiestruturadas com os principais atores envolvidos, assim como na observação in loco dos projetos pesquisados. A partir das análises e reflexões realizadas, com base nas informações coletados nos contextos das Orquestras de Metais Lyra Tatuí e Lyra Bragança, constatouse a importância dos aspectos técnicos-interpretativos verificados estarem inseridos nas práticas coletivas de outros grupos para uma formação sólida e abrangente, possibilitando ao aluno uma atuação diversificada no mercado de trabalho. Dentre estes aspectos é possível relacionar: alongamentos e exercícios físicos; atividades direcionadas à respiração e ao fortalecimento muscular; vibração labial (buzzing); aulas teóricas para esclarecimentos e consolidação; estudos de notas longas; estudos com articulações e acentuações variadas; estudos de intervalos; estudos de escalas e arpejos em modelos e articulações variadas; atividades com solfejo e o canto, e práticas de música de câmara em diversas formações. Foi possível também apresentar direcionamentos metodológicos relacionados a importância de considerar as particularidades dos alunos na escolha dos materiais didáticos e do repertório; ao desenvolvimento da autonomia musical dos alunos; as qualidades necessárias ao docente; as características metodológicas do ensino coletivo, dentre outras questões que se mostraram fundamentais para pensar e desenvolver práticas com o ensino coletivo de instrumentos de metal. Dessa forma espero que esta pesquisa possa contribuir de forma significativa para a prática musical e o ensino coletivo dos instrumentos de metal.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALEXANDRE MAGNO E SILVA FERREIRA - UFPB
Presidente - 1627429 - RADEGUNDIS ARANHA TAVARES FEITOSA
Interno - 1169086 - RANILSON BEZERRA DE FARIAS
Notícia cadastrada em: 23/10/2019 11:46
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao