PPGMUS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÚSICA ESCOLA DE MÚSICA Telefone/Ramal: (84) 99474-6734 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgmus

Banca de DEFESA: VALDIER RIBEIRO SANTOS JUNIOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : VALDIER RIBEIRO SANTOS JUNIOR
DATA : 19/12/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 22 Escola de Musica
TÍTULO:

PROCESSO FORMATIVO DO MÚSICO POPULAR E SUAS MÚLTIPLAS DIMENSÕES: compreensões a partir do estudo de caso com dois instrumentistas.


PALAVRAS-CHAVES:

Educação musical. Autonomia na formação. Música popular. Espaços de formação. Aprendizagem musical. 


PÁGINAS: 145
RESUMO:

Os diversos espaços em que os músicos transitam em busca da sua formação são assuntos em debate na atualidade. Diante disso, a Educação Musical, pensada como a área que contempla o estudo e os processos de formação em música, certamente está atenta em perceber os distintos ambientes em que acontece a aprendizagem musical. Com foco nessa busca, o presente trabalho tem o objetivo de aprofundar a compreensão acerca dos espaços formativos dos músicos populares. Nesse sentido, proponho compreender a formação musical dos instrumentistas Eduardo Taufic e Jubileu Filho, sujeitos da pesquisa. O trabalho traz uma revisão de literatura com o fito de evidenciar o estado do conhecimento sobre o tema. A fundamentação teórica proporciona uma mediação no debate, apontando as inferências dos autores em constantes interlocuções com o campo. O estudo de caso com a abordagem qualitativa é o procedimento metodológico proposto. Na fase de coleta de dados, foram usados o questionário eletrônico, a observação direta, o caderno de campo e a entrevista semiestruturada. A organização e, posteriormente, a análise dos dados foram materializadas sob a ótica da análise textual discursiva. A construção textual das análises foi objetivada a partir de três pontos centrais: formação musical inicial, formação musical em distintos espaços e formação musical em contextos de profissionalização. Diante disso, a categorização oportunizou a compreensão sobre os diversos espaços formativos em que músicos populares transitam desde os seus primeiros contatos espontâneos com a música até a fase da atuação profissional. Os resultados obtidos revelam a complexidade da formação dos músicos populares. Essa formação está inteiramente ligada à prática em diversos espaços de atuação. Nesse sentido, o meio social revelou-se como um forte agente motivador, sobretudo pelo tratamento espontâneo que a música assumiu nesses espaços. Ademais, a família, os amigos, os professores, os recursos tecnológicos, o ambiente do trabalho, dos ensaios, certamente foram os grandes responsáveis pela formação musical dos músicos populares pesquisados neste trabalho. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1648016 - JEAN JOUBERT FREITAS MENDES
Interno - 784.460.746-72 - LUIS RICARDO SILVA QUEIROZ - UFPB
Externo à Instituição - MARIO ANDRE WANDERLEY OLIVEIRA - UFRGS
Notícia cadastrada em: 14/12/2016 18:19
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa28-producao.info.ufrn.br.sigaa28-producao