PPGMUS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÚSICA ESCOLA DE MÚSICA Telefone/Ramal: (84) 99474-6734 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgmus

Banca de DEFESA: JOÃO GOMES DA ROCHA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOÃO GOMES DA ROCHA
DATA : 12/12/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 22 Escola de Musica
TÍTULO:

A PRÁTICA MUSICAL NAS OFICINAS DO PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO: UM ESTUDO EM DUAS ESCOLAS DA REDE MUNICIPAL DO NATAL/RN


PALAVRAS-CHAVES:

Mais Educação. Oficinas de música. Educação Integral. Formação humana.


PÁGINAS: 66
RESUMO:

A proposta para o presente trabalho surgiu a partir de pesquisa realizada pelo Grupo de Estudos e Pesquisa em Música (GRUMUS) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) que ao verificar como ocorria o ensino de música nas escolas municipais do Natal-RN constatou que a prática musical extracurricular era bastante acentuada. Tais práticas ocorriam a partir das oficinas de música do Programa Mais Educação, que na fala dos gestores cumpria o que determinava a lei 11.769/2008. Alguns aspectos como gestão do programa, a prática pedagógica dos monitores e aprendizagem dos alunos por meio das aulas de música das oficinas se destacaram como itens relevantes para a pesquisa e foram os pontos centrais deste estudo. Neste sentido, procuramos compreender como ocorre o ensino de música no Programa, bem como situar alunos, professores e escola neste contexto. Por meio de uma abordagem qualitativa, fizemos uso do estudo multicaso como técnica de pesquisa realizado em duas escolas da rede municipal do Natal, visando responder a seguinte questão: de que forma as aulas de música que são ministradas no Programa Mais Educação estão inseridas no contexto escolar? Para isso, foram utilizados como instrumentos de coleta de dados, observações estruturadas, entrevistas semiestruturadas e questionários. Trabalhos de autores como Cavaliere (2002; 2007; 2010), Moll (2010; 2012), Penna (2011; 2012; 2013; 2014), entre outros serviram de embasamento teórico para a construção do presente estudo. Concluímos que a prática musical desenvolvida nas escolas acontece como uma atividade secundária e é diretamente influenciada pela forma como é gerido o programa, pela prática pedagógica dos monitores e a própria concepção que os alunos tem sobre as aulas de música. Acreditamos que se desenvolvida de forma consciente a prática musical nas oficinas pode contribuir significativamente para a formação humana dos alunos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - CRISTIANE MARIA GALDINO DE ALMEIDA - UFPE
Externo à Instituição - LUIS RICARDO SILVA QUEIROZ - UFPB
Presidente - 1149577 - VALERIA LAZARO DE CARVALHO
Notícia cadastrada em: 01/12/2016 08:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa18-producao.info.ufrn.br.sigaa18-producao