Banca de QUALIFICAÇÃO: MÔNICA ROSARIO ALVES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MÔNICA ROSARIO ALVES
DATA : 25/09/2017
HORA: 08:00
LOCAL: Miniauditório do PPGAU/UFRN
TÍTULO:

JANELAS PANORÂMICAS: a (Re)invenção da Casa do Estudante do Rio Grande do Norte 


PALAVRAS-CHAVES:

Preservação patrimonial. Intervenção no patrimônio edificado. CERN. Paisagem cultural. Paisagem natural.


PÁGINAS: 115
RESUMO:

Esta pesquisa desenvolvida no Mestrado Profissional em Arquitetura, Projeto e Meio Ambiente do PPAPMA-UFRN, pretende fomentar a discussão sobre  as  intervenções  em  patrimônio  edificado  em  Natal/RN, destacando a possibilidade de compatibilização da preservação e conservação do edifício às demandas de usos e de tecnologias atuais, abordando o tema "Preservação e Conservação do Patrimônio Edificado", objetivando projetar intervenção arquitetônica  em  um  edifício  de  valor  histórico-patrimonial  à luz das teorias sobre patrimônio, apoiada na premissa da viabilidade de uma intervenção no patrimônio construído integrada à paisagem cultural e à paisagem natural. Para subsidiar o anteprojeto, foi realizada uma revisão bibliográfica especifica sobre o tema; foram estudados precedentes referenciais com temáticas similares ao proposto nesta pesquisa; foram realizadas a caracterização do prédio da Casa do Estudante do Rio Grande do Norte (CERN) e de seu entorno imediato; foram utilizados estudos na linha investigativa dos Percursos Urbanos para a apreensão da paisagem; e foi elaborada a programação arquitetônica, desde a definição das metas, passando pela  concepção  de  um  conceito  e  de  um  partido  arquitetônico,  chegando até o nível de anteprojeto de arquitetura. A proposta tem como metas a contribuição para a valorização patrimonial da CERN, a adequação da preexistência1 às demandas atuais dos usuários preservando, tanto quanto possível, as características estético-formais originais e essenciais da CERN e a  proposição  da  diversidade de usos para promover a viabilidade econômica da CERN e a vitalidade em seu entorno. Seguindo a abordagem das atuais práticas intervencionistas  à  luz  da teoria contemporânea da restauração e considerando os atributos de   autenticidade,   integridade   e   distinguibilidade a proposta inclui umaintervenção arquitetônica no edifício da CERN, contemplando, além da escolha de uma postura  intervencionista adequada à edificação de valor  histórico-patrimonial  para  a  cidade  de  Natal, o potencial das paisagens culturais do  bairro  da Cidade Alta (Centro  histórico),  das paisagens naturais (O rio Potengi) e da requalificação do espaço construído no  entorno  da  CERN, permitindo a viabilidade de uma intervenção no patrimônio construído integrada à paisagem cultural e à paisagem natural.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1345114 - JOSE CLEWTON DO NASCIMENTO
Interno - 1298938 - MAISA FERNANDES DUTRA VELOSO
Externo ao Programa - 783.827.344-72 - NATALIA MIRANDA VIEIRA DE ARAUJO - UFPE
Notícia cadastrada em: 13/09/2017 09:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa19-producao.info.ufrn.br.sigaa19-producao