Banca de QUALIFICAÇÃO: JOÃO PAULO SILVA DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOÃO PAULO SILVA DOS SANTOS
DATA : 24/06/2022
HORA: 09:30
LOCAL: virtual
TÍTULO:

ESPAÇOS URBANOS NÃO METROPOLIZADOS NO NORDESTE BRASILEIRO: MOSSORÓ/RN COMO UMA “CAPITAL” REGIONAL


PALAVRAS-CHAVES:

divisão do trabalho, reestruturação produtiva, relações socioespaciais, produção do espaço capitalista, recursos naturais.


PÁGINAS: 95
RESUMO:

Compreender a relação entre mudanças produtivas e seus efeitos em um território específico constituiu-se esforço básico nos estudos urbanos e regionais. Nesse contexto esta Tese pretende investigar a posição urbana e regional de Mossoró/RN, utilizando uma abordagem baseada na divisão social e territorial do trabalho (DSTT). Considerando que recentemente a cidade de Mossoró passou a refletir uma capacidade de coesão de empresas relacionadas ao capital hegemônico que realizam a transformação de recursos naturais regionais em mercadoria, pensamos que a realidade produtiva e a sistemática de modificações do espaço regional e urbano de Mossoró parecem, nos últimos 20 anos do século XXI, estarem relacionadas a efeitos da reestruturação produtiva (RP). Assim, a proposta de Tese levanta o seguinte questionamento: quais influências, a RP do Sertão do Nordeste e as mudanças ocasionada na DSTT, trouxeram para a manutenção do status de Mossoró como uma Capital Regional e para a configuração do seu espaço urbano, nas últimas duas décadas do século XXI? Duas hipóteses são levantadas. A primeira é que a posição regional atual de Mossoró é uma condição associada aos efeitos da RP e a segunda considera que as dinâmicas urbanas da cidade estão relacionadas à sua capacidade de integrar regionalmente a infraestrutura produtiva e o consumo. Essas hipóteses estão interligadas com a questão regional e urbana. Devido a isso foi delimitado um agrupamento de municípios, em torno de Mossoró, denominado de território pluridinâmico de uso intensivo de recursos naturais (TPURN). O objetivo da proposta é verificar os efeitos da RP, nas dinâmicas produtivas do TPURN, buscando identificar se eles contribuíram na consolidação do status de Mossoró como uma Capital Regional e de quais formas afetaram o seu espaço urbano. Para isso utilizaremos uma metodologia que pretende interligar abordagens desenvolvidas por Carlos Brandão, sobre os processos de produção do espaço capitalista, e de Bob Jessop, Niel Brenner e Martin Jones que entendem as configurações socioespaciais como produtos das relações socioespaciais. Até o momento a pesquisa avançou utilizando levantamentos bibliográficos sobre as consequências da RP no Sertão. As análises posteriores serão realizadas a partir de dados primários e secundários de órgãos oficiais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2432718 - ALEXSANDRO FERREIRA CARDOSO DA SILVA
Interna - 6347581 - MARIA DO LIVRAMENTO MIRANDA CLEMENTINO
Externa ao Programa - 3060386 - JULIANA BACELAR DE ARAUJO
Notícia cadastrada em: 20/05/2022 11:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa22-producao.info.ufrn.br.sigaa22-producao