Banca de QUALIFICAÇÃO: KACIA BEATRIZ DE SOUSA ARAUJO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KACIA BEATRIZ DE SOUSA ARAUJO
DATA: 26/10/2012
HORA: 13:00
LOCAL: Sala I da PPGPA
TÍTULO:

EFEITO DA INCLUSÃO DE BAGAÇO DE CAJU DESIDRATADO E COMPLEXO ENZIMÁTICO NA RAÇÃO PARA CODORNAS JAPONESAS EM POSTURA.


PALAVRAS-CHAVES:

EFEITO DA INCLUSÃO DE BAGAÇO DE CAJU DESIDRATADO E COMPLEXO ENZIMÁTICO NA RAÇÃO PARA CODORNAS JAPONESAS EM POSTURA.


PÁGINAS: 64
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Produção Animal
RESUMO:

Diante da significativa participação da alimentação nos custos da produção avícola faz-se necessário a utilização de estratégias e técnicas que permitam maximizar o aproveitamento e valor biológico dos componentes das rações, mantendo constante ou melhorando o desempenho animal. Neste contexto, visando a substituição parcial do milho e o melhor aproveitamento dos constituintes da ração, a pesquisa destinou-se a avaliar o efeito da inclusão de bagaço de caju desidratado (BCD) e complexo enzimático (CE) na ração sobre o desempenho e a qualidade de ovos de codornas japonesas em postura. Foram utilizadas 200 codornas japonesas com 87 dias de idade, distribuídas em 25 gaiolas em um delineamento experimental inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 2 + 1 (2 níveis de bagaço de caju x 2 níveis de enzimas) + dieta controle, sem bagaço de caju, constituído de 5 tratamentos com 5 repetições e com 8 aves cada repetição. O experimento teve duração de 63 dias, divididos em 3 períodos de 21 dias. Os tratamentos consistiram em: T1- Ração padrão, T2- Ração com 7,5% de BCD com CE, T3- Ração com 7,5% de BCD sem CE, T4- Ração com 15% de BCD com CE e T5- Ração com 15% de BCD sem CE. O complexo enzimático (CE) utilizado é produto de fermentação de Aspergillus niger, e o bagaço de caju foi proveniente da indústria de sucos que passou pelo processo de secagem e trituração para produção do farelo. Foi avaliado o desempenho e a qualidade dos ovos das codornas, sendo as variáveis de desempenho: consumo de ração (CR), conversão alimentar por dúzia de ovos (CAKD) e por massa de ovos (CAMO), Porcentagem de Produção (PO%), Peso Médio dos Ovos (PMO) e a Massa de Ovos (MO), e tendo variáveis de qualidade de ovos, a Gravidade Específica (GE), Unidade Haugh (UH), as relações entre os componentes dos ovos (ovo/casca, ovo/albúmen e ovo/gema) e o Índice Gema (IG). Os dados obtidos foram analisados no programa estatístico SAEG (2007). A inclusão de 15% do bagaço de caju desidratado na ração associado com 0,018% de complexo enzimático melhora o desempenho de codornas japonesas na fase de postura. Os tratamentos com a inclusão do bagaço de caju desidratado e a adição de complexo enzimático apresentaram o menor consumo de ração, o maior peso médio de ovos e a porcentagem de produção semelhante ao tratamento controle. A inclusão de BCD com ou sem complexo enzimático não influenciou a qualidade interna e externa dos ovos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1323030 - JANETE GOUVEIA DE SOUZA
Interno - 1605626 - ELISANIE NEIVA MAGALHAES TEIXEIRA
Externo à Instituição - CLAUDIA DE CASTRO GOULART - UEVA
Notícia cadastrada em: 26/10/2012 10:16
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao