Banca de DEFESA: RENATA MARIA ALVES COUTINHO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RENATA MARIA ALVES COUTINHO
DATA: 28/02/2012
HORA: 08:30
LOCAL: SALA 01 - PPGPA - EAJ
TÍTULO:

Marcadores fenotípicos na identificação de caprinos com diferentes níveis de resistência às endoparasitoses gastrintestinais”


PALAVRAS-CHAVES:

PALAVRAS CHAVE: Caprinos, FAMACHA, nematoides, OPG, resistência, volume globular.


PÁGINAS: 63
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
RESUMO:

Resumo: O presente trabalho teve o objetivo de avaliar e caracterizar fenotipicamente caprinos com diferentes níveis de resistência a nematoides gastrintestinais. Durante 93 dias, 60 caprinos F2 oriundos do cruzamento de animais ½ Saanen e ½ Anglo-nubiano foram mantidos numa mesma área de pastagem cultivada irrigada de capim Tanzânia (Panicum maximum Jacq. Cv Tanzânia). A cada sete dias, fezes e sangue foram coletados para contagem de ovos por grama de fezes (OPG) e coproculturas, e contagem de eosinófilos, determinação de volume globular e proteína plasmática total, respectivamente. No mesmo dia das coletas, os animais foram pesados e avaliados quanto ao escore da condição corporal e FAMACHA. Com base na média de OPG, os doze animais com as maiores média (grupo susceptível) e os doze animais com as menores médias de OPG (grupo resistente) foram identificados e selecionados para seremabatidos e necropsiados para a recuperação, contagem e identificação dos parasitas presentes. Os animais pertencentes ao grupo resistente apresentaram menor média de OPG (P<0,0001) e 4,7 vezes menos parasitas do que os animais do grupo susceptível. O gênero Haemonchus foi o que apresentou maior prevalência nas coproculturas, seguido por Trischostrongylus e Oesophagostomum. A contagem de nematoides foi maior no abomaso do grupo susceptível do que no grupo resistente. As espécies identificadas foram Haemonchus contortus no abomaso e Trichostrongylus colubriformis no intestino delgado. Conclui-se que OPG, volume globular e proteína plasmática total foram marcadores fenotípicos eficientes para identificar animais resistentes  e susceptíveis às infecções causadas por nematoides gastrintestinais.

 

  

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 348118 - ELIZETE TERESINHA SANTOS CAVALCANTI
Presidente - 1714262 - LILIAN GIOTTO ZAROS
Externo à Instituição - LUIZ DA SILVA VIEIRA - UFMG
Externo ao Programa - 6349507 - MARIA DE FATIMA DE SOUZA
Notícia cadastrada em: 07/02/2012 13:41
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao