Banca de QUALIFICAÇÃO: NATHÁLIA RAFAELA FIDELIS CAMPOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : NATHÁLIA RAFAELA FIDELIS CAMPOS
DATA : 06/09/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 1 do PPGPA
TÍTULO:

Desempenho de cordeiros do nascimento ao desmame filhos de matrizes suplementadas mantidas em pasto diferido


PALAVRAS-CHAVES:

concentrado, ganho de peso, medidas biométricas, mistura múltipla, ovinos, suplementação


PÁGINAS: 40
RESUMO:

Objetivou-se avaliar a influência da suplementação alimentar de ovelhas mantidas em pasto diferido durante a lactação sobre o desempenho e características biométricas dos cordeiros do nascimento ao desmame.O experimento foi conduzido em área experimental do Grupo de Estudos em Forragicultura (GEFOR), localizado no Campus Macaíba da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. O período de execução foi de 30 de dezembro de 2015 a 19 de junho de 2016. Foram utilizadas 55 fêmeas ovinas, sem padrão racial definido, com média de 120 dias de gestação no início do experimento, oriundas do próprio plantel experimental do GEFOR, sendo avaliados 61 cordeiros, sem padrão racial definido, provenientes dos partos dessas matrizes. As matrizes foram distribuídas de forma inteiramente casualizada em três tratamentos: suplementação com mistura múltipla, suplementação concentrada a 0,4% do peso vivo e suplementação concentrada a 0,8% do peso vivo. As rações experimentais para as matrizes consistiram de pasto diferido de capim-marandu (Brachiaria brizantha) e a suplementação. A mistura múltipla foi composta de sal branco (NaCl), ureia, milho e soja, já o concentrado foi composto de milho, soja, sal branco e ureia. Foram realizadas coletas de leite das matrizes para análises dos seus constituintes e células somáticas. As coletas foram realizadas sempre imediatamente após o parto da matriz a fim de coletar o colostro, e nos períodos de sete, 14, 21 e 28 dias. O acompanhamento do desempenho das crias ocorreu a partir do peso ao nascer, com pesagens semanais até a cria atingir idade de 90 dias. Dessa forma, foi possível acompanhar o ganho médio diário (GMD, g/animal.dia) e o ganho total (GT, kg/animal). Medidas biométricas (comprimento corporal – CC; altura do anterior – AA; altura do posterior – AP; largura do peito – LP; largura da garupa – LG; perímetro torácico – PT; e perímetro do barril - PB) também foram realizadas nas crias, iniciadas aos 30 dias de idade e de forma quinzenal até atingir os 90 dias de idade de cada cria. Houve efeito do peso vivo (kg) ao nascer, aos 30, 60 e 90 dias para a suplementação da matriz, o sexo da cria, o tipo do parto e reprodutor. Para o GMD e o GT, também houve efeito para as idades de 30, 60 e 90 dias. E para as variáveis de medidas biométricas o efeito foi observado somente para a suplementação da matriz, o sexo da cria e o tipo do parto. Diante disso, utilizar pasto diferido associado com suplementação concentrada em níveis de 0,4% ou 0,8% para matrizes em gestação e paridas, promove o desmame de cordeiros com peso ideal (acima de 18 kg) para a fase de acabamento, sendo possível eliminar a fase intermediária da recria.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 986835 - GELSON DOS SANTOS DIFANTE
Interno - 2313454 - ADRIANO HENRIQUE DO NASCIMENTO RANGEL
Interno - 1726100 - MARCONE GERALDO COSTA
Externo à Instituição - JOAO VIRGINIO EMERENCIANO NETO - UNIVASF
Notícia cadastrada em: 29/08/2016 10:53
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa20-producao.info.ufrn.br.sigaa20-producao