PPGH/CCHLA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA Telefone/Ramal: Não informado https://posgraduacao.ufrn.br/ppgh

Banca de QUALIFICAÇÃO: GIL EDUARDO DE ALBUQUERQUE MACEDO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GIL EDUARDO DE ALBUQUERQUE MACEDO
DATA: 04/09/2013
HORA: 15:00
LOCAL: Auditório D, do CCHLA.
TÍTULO:

As chaves para o Mundo do Quinto Império 


PALAVRAS-CHAVES:

Antônio Vieira, mundo, Quinto Império, Companhia de Jesus. 


PÁGINAS: 144
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: História
RESUMO:

Tendo vivido grande parte do século XVII, Antônio Vieira (1608-1697) é considerado um importante personagem para a história luso-brasileira. Não é por menos que o padre é reconhecido dessa forma, pois foram inúmeros os tramas históricos em que o polêmico jesuíta esteve envolvido. Em um dos mais importantes, a restauração portuguesa de 1640, Vieira mergulhou em um intenso processo de reestruturação política, atuando como diplomata, confessor e pregador oficial de D. João IV. Nesse mesmo contexto, o jesuíta iniciou a escrita dos primeiros volumes de seu grande projeto profético, a “Clavis Prophetarum”, entre os anos de 1646 e 1667. Em linhas gerais, as suas profecias anunciavam o surgimento do “Quinto Império”, unidade político-teológica que alavancaria o processo de difusão do Cristianismo por todo o planeta, reconhecendo Portugal como vanguarda e centro de todo o movimento milenarista. Partindo do esforço em compreender como o seu discurso esteve atrelado às demandas históricas, sendo elas de cunho político e religioso, o intuito de nosso trabalho é investigar as representações de mundo vieiriana, sabendo que por essa espacialidade se desdobram duas metáforas espaciais: “Teatro do Mundo” e o corpo enquanto “Mundo”. Acreditamos que a partir delas podemos ter uma noção mais amplas dos efeitos que os seus textos proféticos almejavam incidir na sociedade portuguesa seiscentista. Assim, defendemos a hipótese que Antônio Vieira ao espacializar o “Mundo” em metáforas, teve por objetivo empenhar sua palavra em ações, transformar discurso em realidade.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1149446 - MARIA EMILIA MONTEIRO PORTO
Interno - 1518086 - FRANCISCO DAS CHAGAS FERNANDES SANTIAGO JUNIOR
Interno - 1675519 - SEBASTIAO LEAL FERREIRA VARGAS NETTO
Notícia cadastrada em: 03/09/2013 09:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa28-producao.info.ufrn.br.sigaa28-producao