PPGARC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS DIREÇÃO DO CCHLA Telefone/Ramal: (84) 99193-6340 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgarc

Banca de DEFESA: ISABELLE INGRID FREITAS RODRIGUES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ISABELLE INGRID FREITAS RODRIGUES
DATA: 07/02/2014
HORA: 08:30
LOCAL: Teatro Laboratório Jesiel Figueiredo - DEART/UFRN
TÍTULO:

Criação em processo no espetáculo Ethnotron-Ghetto Experiment


PALAVRAS-CHAVES:

Processo criativo. Dança. História. Corpo. Trabalho em progresso.

Key-Words: Creative process. Dance. History. Body. Work in Progress.


PÁGINAS: 93
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Artes
SUBÁREA: Dança
ESPECIALIDADE: Execução da Dança
RESUMO:

Este trabalho tem como objetivo investigar o processo criativo do espetáculo Ethnotron-Ghetto Experiment, do coletivo paraibano Tribo Éthnos, fundado na década de 1990 e ainda em atividade. A estratégia metodológica se dá através de estudos descritivos, valendo-se da teoria e prática de diversas linguagens artísticas presentes na obra apontada: artes visuais, performance, literatura e histórias em quadrinho; em ações realizadas pelo coletivo ao longo dos anos, objetivado descrever e analisar o processo de criação do como já apontado do espetáculo de dança Ethnotron-Ghetto Experiment, através da minuciosa coleta de dados por meio entrevistas abertas e semiestruturadas e da pesquisa e também da captação de materiais audiovisuais. A Tribo Éthnos destaca-se na cena local na cidade de João Pessoa e estadual, na Paraíba, visto que, nesse longo percurso de existência do coletivo, além da preocupação em fundir muitas formas artísticas bem como os artistas da Paraíba, aglutina pessoas que fazem arte em outros países e faz das danças urbanas algo instigante. A Tribo ainda preocupa-se com a troca de saberes através de palestras, oficinas, cursos e intercâmbios. A dissertação investiga o processo de criação dos artistas e, especificamente, dos dançarinos utilizando-se principalmente do conceito work in progress, proposto por Renato Cohen, e aplicado ao espetáculo estudado. Apresentam-se descrições dos movimentos coreográficos, do espetáculo de dança paraibano Ethnotron-Ghetto Experiment, de dança de rua da Era Funky, especificamente, com estilos como popping, waving, animation, strobing, floatine/ slidini, tiokine, trebing, breaking, waving, sliding, entre outros; porque estes são parte integrante do processo de criação. Tais estilos remetem ao ilusionismo ou mimetismo, sugerindo em seus movimentos truques, câmeras lentas, flutuações com os pés, entre outros. O coletivo, através do espetáculo, busca a integração dos corpos, procura uma libertação individual e sugere uma sensação de querer voar nas coreografias/cenas. Abordam-se os aspectos do processo criativo: o espaço cênico, o trabalho corporal, a sonoplastia e a roupa/indumentária. Trabalha-se o conceito do corpo virtual de José Gil no aspecto do corpo cênico.

Abstract: This work aims to investigate the creative process of the show Ethnotron-Ghetto Experiment of the collectiveTribo Éthnos“, from Paraíba, founded in 1990 and is still active. The methodological strategy takes place through descriptive studies, drawing on the theory and practice of various artistic languages present in the pointed work: visual arts, performance, literature and comic books; on actions taken by the collective over the years, aiming to describe and analyze the process of creating the aforementioned dance show Ethnotron-Ghetto Experiment, through a careful collection of data through open and semi-structured interviews and research and also through uptake of audiovisual materials. The "Tribo Ethnos" stands out in the local scene in the city of João Pessoa and in the State of Paraiba, since, in this long path of the collective existence, beyond the concern for merging many art forms and artists from Paraíba, binds people who make art in other countries and do something exciting through urban dances. The "Tribo" is also concerned with the exchange of knowledge through lectures, workshops, courses and exchanges. This dissertation investigates the creative process of artists, specifically dancers, using mostly the work in progress-concept, proposed by Renato Cohen, studied and applied to the spectacle. We present descriptions of choreographic movements of the dance show Ethnotron-Ghetto Experiment, specifically street dance from the „Funky Era“ with styles such as popping, waving, animation, strobing, floatine / slidini, tiokine, trebing, breaking, waving , sliding, among others, because they are an integral part of the creation process. These styles  refer to illusionist mimicry, suggesting tricks in his movements, slow motion, fluctuations with the feet, among others. The collective, through this spectacle, aims to integrate the body, seeks an individual liberation and suggests a feeling of wanting to fly in its choreography / scenes. It addresses aspects of the creative process: the scenic area, the body work, the sound, the design and the clothing / costumes. This work also analyses the José Gil's concept of the virtual body  into the aspect of the scenic body.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1288360 - NARA GRACA SALLES
Interno - 2200162 - TEODORA DE ARAUJO ALVES
Externo à Instituição - GUILHERME BARBOSA SCHULZE - UFPB
Notícia cadastrada em: 29/01/2014 09:55
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao