Banca de QUALIFICAÇÃO: RENATA CELLI DA SILVA NOGUEIRA MEDEIROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RENATA CELLI DA SILVA NOGUEIRA MEDEIROS
DATA : 30/09/2022
HORA: 16:00
LOCAL: Plataforma virtual (Google Meet)
TÍTULO:

SERVIÇO SOCIAL E PARTICIPAÇÃO SOCIAL: mediações exitosas no contexto da pandemia COVID-19 na realidade de Natal/RN em 2020-2021


PALAVRAS-CHAVES:

Serviço Social; Saúde; Mediação; Pandemia COVID-19; Participação Popular.


PÁGINAS: 43
RESUMO:

Este estudo aborda o protagonismo dos(as) assistentes sociais no contexto da pandemia COVID-19 na perspectiva de mapear as mediações e respostas concretas às demandas colocadas ao Serviço Social face às péssimas condições de vida e saúde da população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS)que se traduzem em obstáculos para seguir protocolos sanitários e recomendações terapêuticas, desde o cumprimento de medidas preventivas, tais como ficar em casa, comprar e usar máscaras, álcool em gel 70%, praticar isolamento e distanciamento, dentre outras medidas preventivas que se chocam com as profundas desigualdades sociais existentes na sociedade brasileira e requerem forte atuação do sistema de garantia de direitos,ou seja, do estado brasileiro, em contexto de desmonte dos serviços públicos, de desfinanciamento das políticas de seguridade social e da acelerada precarização e privatização dos serviços que se traduzem em fragilidades para darem rápidas respostas no momento da calamidade pública provocado pela pandemiaCOVID-19, que exigiu efetiva articulação das politicas econômicas e sociais com condição essencial para assegurar a saúde como direito. Razões pelas quais, em clima de desespero exigiu mobilização, denúncia, capacidade de articulação e de proposição da equipe de saúde, particularmente das equipes de Serviço Social. Assim, este estudo tem a finalidade de apreender, mapear e dar visibilidade as experiências exitosas que se traduziram em articulações estratégicas junto aos movimentos sociais e instâncias de controle social do SUS que foram utilizadas por assistentes sociais lotados (as) nas Unidades de Pronto-Atendimento no enfrentamento de tais problemáticas vivenciadas no contexto da pandemia, que foram capazes de construir respostas institucionais de ordem coletiva na política de saúde para enfrentamento de demandas colocadas durante a pandemia COVID-19 em Natal. Nesse sentido problematizar e dar visibilidade as mediações que priorizaram a participação social como método privilegiado e eixo estratégico da atuação profissional para a garantia e efetivação da saúde como direito de cidadania. Nestes termos, o presente estudo tem como objeto central buscar responder que articulações estratégicas com movimentos sociais e instâncias de controle social no SUS foram utilizadas por assistente sociais para o enfrentamento de grandes problemáticas vivenciadas na pandemia COVID-19 na realidade das Unidades de Pronto-Atendimentos em 2020-2021? Para aproximações sucessivas com o objeto, a técnica de pesquisa a ser utilizada baseia-se na pesquisa qualitativa na perspectiva dialética materialista combinando pesquisa documental em documentos referentes às articulações das (os) assistentes sociais como o Conselho Municipal de Saúde de Natal e o Conselho Municipal de Assistência Social, bem como pesquisa de campo através da realização de grupo focal com assistentes sociais lotadas (os) nas Unidades de Pronto-Atendimento, cujo resultado será submetido à técnica de análise de conteúdo com vistas a recuperar, descrever e sistematizar as experiências para dar visibilidade a mediações alinhadas ao projeto ético-político do Serviço Social.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - ***.166.784-** - MARIA DALVA HORACIO DA COSTA - UFRN
Externa à Instituição - SILSE TEIXEIRA DE FREITAS LEMOS - UFMA
Externo à Instituição - MARLY DE JESUS SÁ DIAS - UFMA
Notícia cadastrada em: 19/09/2022 10:14
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa21-producao.info.ufrn.br.sigaa21-producao