Banca de DEFESA: ANDRE AZEVEDO DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANDRE AZEVEDO DOS SANTOS
DATA : 30/03/2021
HORA: 14:30
LOCAL: PLATAFORMA VIRTUAL
TÍTULO:

PERFIL IMUNO-HISTOQUÍMICO DE MARCADORES DE CÉLULAS-TRONCO TUMORAIS EM NEOPLASIAS DE GLÂNDULA SALIVAR


PALAVRAS-CHAVES:

Glândulas salivares; Neoplasias; Células tronco tumorais; Imuno-histoquímica.

 


PÁGINAS: 112
RESUMO:

Os tumores de glândulas salivares (TGS) são caracterizados por apresentar características clínico-patológicas complexas e uma grande diversidade de aspectos morfológicos, comportamentos clínicos e prognósticos. Têm surgido fortes evidências de que células-tronco tumorais (CTTs) desempenham papéis importantes na tumorigênese de várias neoplasias. No entanto, o papel dessas CTTs nos comportamentos e prognósticos dos TGSs ainda não está totalmente esclarecido. Este estudo buscou descrever o perfil de imunoexpressão dos biomarcadores de CTTs CD44, ALDH1, OCT4 e SOX2 em uma série de casos de TGSs (20 adenomas pleomórficos, 20 carcinomas adenoides císticos e 20 carcinomas mucoepidermoides). Os dados obtidos foram analisados no software Statistical Package for the Social Sciences, utilizando o nível de significância de 5% (p<0.05). Foram observadas diferenças entre os perfis de imunoexpressão parenquimal dos biomarcadores nas lesões. Nos APs e nos CACs se destacaram as imunoexpressões de ALDH1 e OCT4, respectivamente, sendo   observada uma marcação preferencial para células não-luminais, com exceção do ALDH1 que marcou preferencialmente células luminais. Nos CMEs não se observou muita diferença entre as imunoexpressões dos biomarcadores, sendo evidenciadas   marcações de CD44, OCT4 e SOX2 nas células epidermoides e intermediárias, enquanto que a expressão de ALDH1 foi evidenciada também em algumas células mucosas. Quanto ao compartimento subcelular imunomarcado, a expressão de CD44 foi predominantemente membranar, de ALDH1 citoplasmática e de OCT4 e SOX2, nuclear. Também foi observada marcação citoplasmática para CD44 e OCT4. Comparando as imunoexpressões parenquimais   entre os grupos de lesões, foram observadas maiores expressões de ALDH1, OCT4 e SOX2, nos casos de APs, CACs e CMEs, respectivamente. No entanto, a maioria dos CACs exibiu ausência de imunoexpressão parenquimal de ALDH1 e os casos de CME exibiram alta imunoexpressão parenquimal de SOX2, de modo diferente das outras lesões. Foi observada ainda imunoexpressão de todos os biomarcadores, exceto do SOX2, no estroma da maioria dos APs, CACs e CMEs. Quando aplicados testes estatísticos foi evidenciada relação de maior imunoexpressão parenquimal de ALDH1 em tumores de glândulas salivares maiores (p=0,021) e de OCT4 em tumores de glândulas salivares menores (p=0,011); de maior imunoexpressão parenquimal de SOX2 em lesões sem diferenciação mioepitelial (p<0,001) e de OCT4 em lesões com diferenciação mioepitelial (p=0,009); de maior imunoexpressão parenquimal de ALDH1 em lesões benignas (p<0,001) e de SOX2 em malignas (p=0,002). O CD44 foi o único biomarcador que teve relação estatisticamente significativa da imunoexpressão parenquimal com os parâmetros clínicos das neoplasias malignas, sendo sua maior expressão relacionada a tumores menos agressivos e de melhor prognóstico. As imunoexpressões estromais do CD44, ALDH1 e OCT4 tiveram associação significativa com lesões malignas. Foram encontradas correlações significativas entre as imunoexpressões dos biomarcadores, tanto na amostra geral, quanto na análise individual das lesões. Estes resultados sugerem a existência de subpopulações distintas de CTTs nos TGSs e que estas podem desempenhar papel importante na tumorigênese dessas lesões. Os resultados sugerem também que as imunoexpressões evidenciadas no estroma tumoral, caracterizando a presença de células-tronco mesenquimais, pode estar diretamente relacionada com o comportamento biológico e progressão tumoral dos TGSs malignos ou que estas podem representar CTTs que sofreram transição epitélio-mesênquimal.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - JAMILE MARINHO BEZERRA DE OLIVEIRA MOURA - UERN
Presidente - 346077 - LELIA BATISTA DE SOUZA
Interna - 350484 - ROSEANA DE ALMEIDA FREITAS
Notícia cadastrada em: 19/03/2021 09:20
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa17-producao.info.ufrn.br.sigaa17-producao