Banca de QUALIFICAÇÃO: ALEXANDRE PIRES SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ALEXANDRE PIRES SILVA
DATA : 30/05/2019
HORA: 08:00
LOCAL: Departamento de Odontologia
TÍTULO:

Condições Periodontais, Peri-implantares e Protéticas de indivíduos Reabilitados com Implantes Osseointegrados.


PALAVRAS-CHAVES:

Implantes dentários, peri-implantite, prevalência.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Com o crescente aumento da utilização dos implantes dentários osseointegrados em Odontologia, observa-se o aumento da prevalência de mucosite peri-implantar e peri-implantite em diversas populações. O objetivo desse estudo é determinar a prevalência de peri-implantite em indivíduos que realizaram tratamento de reabilitação com implantes dentários no Departamento de Odontologia da UFRN nos últimos 15 anos, após um intervalo de cinco anos que os mesmos foram atendidos. O estudo é do tipo observacional-seccional, no qual 155 pacientes foram convidados a participarem da avaliação clínica que consistia na investigação dos parâmetros para diagnóstico das doenças peri-implantares e possíveis fatores de risco associados, incluídos como variáveis independentes. Os parâmentros avaliados foram: índices de placa e sangramento gengival, sangramento à sondagem periodontal e peri-implantar, profundidade de sondagem periodontal e peri-implantar, retração gengival, nível clínico de inserção, mucosa queratinizada, mobilidade dos implantes, supuração e exame radiográfico foi realizado para observar a presença de exposição supracrestal das roscas do implante. Dados clínicos também foram coletados quanto à reabilitação protética, uma avaliação minuciosa foi realizada quanto ao tipo de reabilitação (aparafusada ou cimentada; anterior e/ou posterior; unitária ou parcial/total), afrouxamento, perda ou fratura do parafuso, desajustes entre intermediário e implante e entre intermediário e prótese, fratura da resina, cerâmica ou estrutura metálica, perda do mecanismo de retenção em overdentures e/ou próteses tipo protocolo e se a prótese já teria sofrido algum tipo de reparo prévio. Para análise estatística, será realizada uma análise bivariada por meio do Teste Qui-quadrado/Exato de Fisher para identificação dos possíveis fatores associados com as condições clínicas e posterior realização de regressão logística múltipla através do modelo hierárquico.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1660087 - BRUNO CESAR DE VASCONCELOS GURGEL
Interna - 2085732 - ANA RAFAELA LUZ DE AQUINO MARTINS
Interno - 277398 - KENIO COSTA DE LIMA
Notícia cadastrada em: 22/05/2019 15:41
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao