Banca de QUALIFICAÇÃO: VANESSA BARBOSA DA SILVA SOUSA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : VANESSA BARBOSA DA SILVA SOUSA
DATA : 31/08/2022
HORA: 14:00
LOCAL: Sala RUTE do Hospital Universitário Onofre Lopes
TÍTULO:

Capacitação Parental Remota para Famílias de Crianças com Deficiência Auditiva


PALAVRAS-CHAVES:

educação parental; empoderamento; jogos experimentais; correção de deficiência auditiva; telessaúde. 


PÁGINAS: 30
RESUMO:

A atuação diária da família da criança com deficiência auditiva tem sido destacada como um dos fatores mais robustos para o seu desenvolvimento sadio, visto que é o agente que poderá fornecer de forma mais eficaz o apoio contínuo e prático no dia a dia com a criança. Assim, as orientações que a família deve receber, o mais precocemente possível, acerca da deficiência auditiva e do desenvolvimento da criança são imprescindíveis para que esta possa sentir-se confiante em cooperar nesse processo. Há, no entanto, a carência de estudos, especialmente os experimentais, que avaliem a efetividade de programas de intervenção nesta temática. Assim, o objetivo geral desta pesquisa é avaliar a efetividade de um programa de capacitação remoto intensivo voltado para famílias de crianças com deficiência auditiva. Trata-se de um estudo com aplicação de método misto, metodológico (desenvolvimento de um programa) e de intervenção de curta duração, randomizado, cego, a ser realizado de forma remota. Serão convidados a participar 20 famílias de crianças com deficiência auditiva usuárias de um serviço de reabilitação auditiva do SUS, as quais serão randomizadas em grupos controle e experimental. Após a etapa de validação de conteúdo de aparência dos materiais utilizados no programa de intervenção, será iniciada a coleta de dados com as famílias participantes, as quais responderão a questionários pré e pós acerca de sua autoestima, empoderamento, estresse parental e desenvolvimento de seu filho com deficiência auditiva. A capacitação remota intensiva acontecerá através do uso de jogos e uma cartilha educativa e será realizada em 4 semanas, composta de 2 ciclos, o primeiro será com sessões em grupo (5 sessões), o segundo ciclo será com sessões individuais (15 sessões), totalizando 20 sessões. Todas as sessões de capacitação terão duração de 40 minutos em média. A análise descritiva das necessidades de informações das famílias, do estresse parental, da autoestima, do empoderamento e das habilidades da criança será realizada por meio de tabelas e gráficos. A análise inferencial contará com o cálculo do índice de Validade de Conteúdo (IVC) coeficiente de Alfa de Cronbach, os quais estimarão a confiabilidade entre avaliadores para a análise do programa de intervenção proposto. Além disso, a comparação entre os grupos controle e experimental será realizada pelo cálculo do Teste JT (Jacobson, Truax, 1991), que possibilita a análise do índice de mudança confiável e significância clínica. Para a análise qualitativa do questionário de satisfação das famílias, nas questões abertas, será utilizada a abordagem de análise de conteúdo (Bardin, 2011). Espera-se como resultados, que a pesquisa traga recomendações para a prática nos serviços de reabilitação auditiva, otimizando assim, os resultados de desenvolvimento e a inclusão das crianças com deficiência auditiva. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1717611 - JOSELI SOARES BRAZOROTTO
Interno - ***.666.234-** - LUCIANA FIGUEIREDO DE OLIVEIRA - UNICAMP
Externo à Instituição - LUCIANA PIMENTEL FERNANDES DE MELO - UFPB
Notícia cadastrada em: 14/07/2022 13:32
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa22-producao.info.ufrn.br.sigaa22-producao