Banca de QUALIFICAÇÃO: RAFAEL BEZERRA RIBEIRO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAFAEL BEZERRA RIBEIRO
DATA : 25/01/2019
HORA: 16:30
LOCAL: Escola Multicapi de Ciências Médicas
TÍTULO:

Condição de Saúde Bucal e fatores associados no bairro João XXIII no município de Caicó-RN


PALAVRAS-CHAVES:

Saúde Bucal; Índice CPO; Estratégia Saúde da Família. 


PÁGINAS: 43
RESUMO:

 O Sistema Único de Saúde (SUS) foi criado no Brasil pela Constituição Federal de 1988 e impulsionou uma restruturação no modelo de saúde pública no país. A reorganização do sistema de saúde reordenou também as práticas em Saúde Bucal, com foco na família, através do Programa Saúde da Família (PSF), regido pelos princípios da universalidade, descentralização, integralidade do cuidado e participação da comunidade. Antes o modelo de atenção à saúde bucal era meramente curativo e mutilador, com as mudanças ela atinge novos patamares com ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal da população. Nesse contexto, sabe-se que piores condições socioeconômicas levam ao menor acesso aos serviços públicos de saúde bucal e consequentemente piores índices de doenças bucais. Para detecção da prevalência dessas doenças que acometem a cavidade oral utilizam-se os levantamentos epidemiológicos, sendo o CPOD o mais relevante índice utilizado. Portanto, o objetivo desse trabalho foi avaliar o índice CPOD e fatores associados, no bairro João XXIII, do município de Caicó-RN. A pesquisa se trata de um estudo de prevalência da doença cárie pelo do índice CPOD, realizada através de um questionário individual de identificação socioeconômica, comportamento relacionado à saúde bucal e avaliação clínica. A amostra foi de 283 indivíduos. A estatística consistiu em análise descritiva utilizando valores absolutos e relativos, e em seguida uma análise bivariada para verificar a magnitude de associação entre as variáveis através do teste qui-quadrado. Na análise do CPOD, a média de dentes perdidos (5,60) foi maior que a dos dentes obturados (4,16) e cariados (1,28). A análise bivariada demostrou uma associação da variável dependente CPOD individual com idades mais elevadas (acima de 34 anos), baixa escolaridade (analfabeto até fundamental completo) e quem tinha necessidade de prótese dentária.  


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3050287 - EUDES EULER DE SOUZA LUCENA
Interna - 2249092 - ANA LUIZA DE OLIVEIRA E OLIVEIRA
Externo ao Programa - 3060683 - LEONARDO THIAGO DUARTE BARRETO NOBRE
Notícia cadastrada em: 17/01/2019 13:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa25-producao.info.ufrn.br.sigaa25-producao